Foto: reprodução

A sonda QG-I, da Queiroz Galvão Óleo e Gás, começou a operar na bacia de São Francisco, em Minas Gerais, para a Shell. A unidade tem capacidade para atingir mais de 5 mil metros de profundidade e o contrato entre as empresas vai até novembro deste ano.

Além da sonda em questão, a Queiroz Galvão possui outras oito unidades onshore, todas em atividade na Amazônia. A carteira da empresa é composta ainda por outras 12 sondas offshore, sendo que oito estão em operação para a Petrobrás e quatro estão sendo construídas.

Fonte: Petronotícias